segunda-feira, 4 de julho de 2011

Oi e uma dose de cultura inútil

Oi *acenatimidamente* eu sou a Flávia e fui convidada pelo querido amigo Marcelo a fazer parte do blog junto com minha amiga Priscila, então me parece que vocês irão ver umas postagens nossas por aqui a partir de agora, espero que gostem. Estou meio encabulada de postar num blog dessa magnitude porque nunca fiz parte de um blog com esse número considerável de seguidores e acessos que o Sob linhas e entrelinhas tem, então peço encarecidamente que sejam bonzinhos e pacientes com a colega novata e não me taquem pedras, nem xinguem minha mãe se vocês não gostarem de alguma coisa, a coitada não tem culpa de nada.
Apresentações devidamente feitas vamos ao que interessa...
Amante da cultura inútil em geral que sou, decidi que meu primeiro post não poderia tratar de outra coisa senão esse tema, e quer coisa mais cultura inútil que seriados? Fala sério, não tem nada melhor que perder algumas (muitas, no meu caso) horinhas de “vida” para acompanhar os dramas dos nossos personagens prediletos. Eu particularmente adoro e assisto muitas, mas o post de hoje é dedicado a uma específica que é minha paixão obsessão mais recente: Game of Thrones.




Sinopse: Game of Thrones é uma série americana exibida pela emissora HBO, baseada no primeiro livro da série A Song of Fire and Ice escrita por George R. R. Martin. A primeira temporada composta de dez episódios estreou nos Estados Unidos em abril desse ano, e aqui no Brasil em maio.
“A trama épica de fantasia se passa em Westeros, uma terra remanescente da Europa Medieval, onde as estações duram por anos ou até mesmo décadas. A história gira em torno de uma batalha entre os Sete Reinos, onde duas famílias dominantes estão lutando pelo controle do Trono de Ferro, cuja posse assegura a sobrevivência durante o inverno de 40 anos que está por vir.”

Porque você deve assistir: Eu sou suspeita pra falar, mas a série e realmente uma das melhores séries que vi ultimamente, não é aquela coisa bobinha com tramas tolas que te deixam entediado, GoT é inteligente, cheio de ação, sangue, mortes, estratégias, babado e confusão! E o outra coisa que eu achei bem legal é que não encontrei muito exagero de romance na série, e se você assim como eu não precisa de algo que te lembre o quanto você é forever alone, Got é um prato cheio, mas atenção, principalmente as meninas, não é porque não tem tanto romance que a série deixa de ser interessante, aparecem uns Lordes tão lindos que enchem nossos olhos com lagriminhas de alegria (Um beijo para Robb Stark e me liga, Snow seu lindo!).

Então é isso, pra quem costuma reclamar de tédio nas férias, se joguem, assistam e me digam se gostarem.
xxx, Flávia.

ps: um beijo pro meu amigo noivo Marcelo que nos convidou e fez esse layout lindico.

Um comentário:

  1. Oi Flavia! passando aqui só pra dar as boas vindas, vi que o Marcelo fez uma boa escolha ao convida-la para o nosso blog, obrigada por aceitar!

    beijos.

    ResponderExcluir

Deixe-nos algumas linhas!