terça-feira, 19 de julho de 2011

Covers: a melhor opção pra sair da chatisse

Boa tarde gente! Todos animados nessa ultima semana de férias e torcendo pro frio e pra chuva irem embora antes que as aulas voltem? Bom, hoje resolvi postar sobre algo que gosto bastante: Covers. Sim amigos, em minha opinião alguns covers são MUITO melhores que as versões originais de muita musica por aí. Acho que o que diferencia é que, quem faz o cover tem toda liberdade de dar a cara que quiser pra musica, diferente do artista que canta a original que muitas vezes tem que atender a exigências da gravadora, contratos, expectativas do publico etc, etc, etc. Na verdade, escuto muitas musicas famosas em outras versões por achar melhor, coisa minha. Nada contra o artista ou ao publico que ele atinge, mas resolvi listar os covers que ficaram tão bons ou, em alguns casos, melhores que as versões originais.


O clássico Single Ladies:
Tem coisa melhor que a criatividade do ser que fez esse cover? Na verdade não curto essa musica, mas convenhamos que essa versão é excelente, diferente. A pessoa que canta tem uma voz fraca, diferente da Beyonce. Não posso falar se essa versão é melhor ou pior que a original, só sei que curti.

A mais executada na Barão (boate da novela das 8) Firework
Desculpem, mas prefiro essa versão à original. É bem mais suave, nada tão dançante, etc. Todos os covers que o Boyce Avenue faz ficam excelente, mas esse é um dos que mais escutei.

Price Tag: por favor globo, não coloque essa musica na trilha sonora de alguma de suas novelas e estrague ela como esta fazendo com as musicas da Adele que até versão funk ja ta ganhando.
Uma das melhores musicas desse ano pra mim. Dane-se quando ela foi lançada pela Jessie J, essa musica pra mim ficou marcada quando escutei no cover da Maddi Jane. Por mais que eu ache a Jessie J uma linda e que adore a voz dela, o cover ficou melhor.

Born This Way: nunca pensei que pararia pra ouvir essa musica depois de ter ouvido a versão original
Quando escutei a versão original dessa musica, não curti, mesmo mesmo, independente da mensagem dela, do clip sinistro etc. Mas impossível não curtir a versão da Maria, ela é bonitinha, canta bem e ainda TOCA PIANO.

The Edge of Glory
A versão original é até boa, serio, li muita gente criticando etc, mas curti. Encontrei esse cover hoje e gostei por dois motivos: 1) foi feita por gente jovem, bonita, elegante, sincera e talentosa 2) minuto 1:33, assistam.

Paparazzi: o destaque em questão é o piano

Acho que esse cover do Greyson é o clássico dos clássicos dos covers. Ele canta bem, mas convenhamos que o destaque fica por conta do piano que ele toca EXCELENTISSIMAMENTE bem. Um fato engraçado é a cara das mulheres la atrás. Depois que escutei pela primeira vez, juro, fiquei umas 3semanas escutando a versão dele sem parar.

Toxic: uma musica que, na versão original, você não consegue discernir o que é palavra do que é gemido

Minha prima de 3º grau me apresentou a esse cover, na época nem reconheci que a musica era da Britney, achei tão original e tão bem executada que a musica passou da categoria 'jamais escutarei porque nem lembrava que existia' pra categoria 'escuto sempre', outras musicas, de autoria própria do VersaEmerge são excelente, quando puderem, escutem.


Pro post não ficar demasiadamente grande e enjoativo, paro por aqui. Faço algo parecido quando a disposição aparecer. Até a próxima.

Marcelo Soares


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe-nos algumas linhas!